• Termopares Nobres (Platina e Ródio) de alto custo

Termopares Nobres Platina Ródio

São aqueles que os pares são constituídos de platina. Embora possuam custo elevado e exijam instrumentos receptores de alta sensibilidade, devido à baixa potência termoelétrica, apresentam uma altíssima precisão, dada a homogeneidade e pureza dos fios termopares.

TIPO “S” Nomenclatura: S – Adotada pela Norma ANSI

  • Faixa de utilização: 0 a 1480°C
  • F.E.M. produzida: 0 a 15,336mV

TIPO “R” Nomenclatura: R – Adotada pela Norma ANSI

  • Faixa de utilização: 0 a 1480°C
  • F.E.M. produzida: 0 a 17,163mV

TIPO “B” Nomenclatura: B – Adotada pela Norma ANSI

  • Faixa de utilização: 500 a 1700°C
  • F.E.M. produzida: 3,708 a 12,485mV

Comments are closed.